Arquivo da tag: Mãe;

 

Hoje tem um super lançamento no blog: coluna de uma mamãe(mãe de gêmeos), a querida Midian Almeida, radialista conhecida na região onde moro, vai contar pra gente desde o início(recém gravidinha), suas experiências e sensações, grávida pela primeira vez, Midiam promete grandes emoções. Vamos ao primeiro texto?

“Olá queridas leitoras, estou estreando minha coluna no Blog da Manu Damasceno e quero  compartilhar com vocês as minhas experiências como futura mamãe de gêmeos. Minha gravidez é recente, apenas oito semanas, mas a emoção e as sensações são inexplicáveis. Agora, são três corações batendo aqui dentro do meu corpo, e eu sei que sou responsável por eles, por isso, quero estar sempre buscando boas vibrações pra mim e para os meus bebês.

Aos 39 anos, fui diagnosticada incapaz de dar à luz pelos métodos tradicionais. Apenas uma fertilização “in vitro” poderia me proporcionar a realização deste sonho, que já me acompanha há tantos anos. Assim, já estou respondendo a primeira pergunta que certamente vem à cabeça das leitoras, “vocês têm gêmeos na família ou foi fertilização?”.

No meu caso as duas coisas, embora o fator fertilização seja a mais provável causa da gravidez gemelar, coisa comum em pacientes com idade acima dos 35 anos, meu marido tem casos na sua família materna.

O que posso afirmar com toda a certeza é que para alguém cujas possibilidades eram reduzidíssimas, minha dupla bênção deve ser considerada um milagre de Deus, pois certamente a vontade divina foi fator determinante para que tudo isso estivesse acontecendo da forma como está.

Sentir os dois coraçõezinhos batendo forte dentro do meu ventre foi o presente mais precioso, que me proporcionou uma imensurável sensação de paz e amor, de um jeito que nunca havia sentido. Estamos muito felizes, estou sendo paparicada pelo marido, fazendo mil planos, imaginando minha vida daqui uns meses, com barrigão, como vai ser para administrar o tempo, o trabalho e curtir a gravidez com saúde.  E tudo está sendo planejado, com muito cuidado e carinho, para a vinda desses dois anjinhos que estão aqui dentro.

E vocês vão poder acompanhar essa caminhada junto comigo. Agora somos três corações.”

foto

Midian Almeida – cantora, compositora e instrumentista, casada, radialista na Rádio União Fm, acadêmica de Jornalismo. Uma mulher que sempre teve muitas metas, mas um único sonho: ser mãe. Agora é a hora de realizar e a bênção veio duplamente.

 


Arquivado em Sem Categoria
Tags: , ,

Imagens: on to baby

 


Arquivado em Sem Categoria
Tags: ,

Tenho certeza de que não é possível ver essas fotos e não se emocionar. Esta história em fotografia documentou os altos e baixos de um parto normal. Tanta emoção em cada imagem. As fotos do garoto com  sua nova irmã pela primeira vez, são absolutamente impagáveis.

Imagens: on to baby

Arquivado em Sem Categoria
Tags: , ,

Você planejou  ter outro filho em um intervalo curto de tempo? Como foi ou está sendo? A família abaixo é grande(6 filhos) e o intervalo mais curto é de 16 meses(quase gêmeos) e o maior de 4 anos. Segundo a mãe, o mais agradável é o companheirismo e as brincadeiras em grupo. E afirma que para ela 2 anos de diferença é legal, já 4 anos, apesar de um já ser mais dependente, a cumplicidade é menor. E você, o que acha?

Conselho de mãe super experiente: “Escute seus instintos. Quando os olhos brilharem para roupas de bebês e gestante, não oprima seus sentimentos!”

Imagens: design mom

Arquivado em Sem Categoria
Tags: ,
10
mai 2012

Fizemos uma enquete lá na nossa fan page – já curtiu a gente? – sobre o que deve ter em uma necessaire de Mãe, vamos ver a lista completa:

Batom

Escova e creme dental

Perfume – fica a dica para um bom presente para a sua Mãe, viu?!

Lixa de unha

Mini-kit costura

Absorvente

Band- Aid

Lenços descartáveis

Complete a sua necessaire e não fique na mão se o botão da sua camisa cair durante o trabalho ou quando seu filho machucar o dedo no passeio do final de semana!

Imagem: Reprodução

Arquivado em Sem Categoria
Tags: ,

 

“Minha filha passa o dia com a avó e anda muito apegada a ela. Agora ela anda chamando a avó de mãe e na hora de dormir só quer na cama da avó. É normal este tipo de comportamento? O que podemos fazer para reverter esta situação?” Noeli dos Santos

Considerando que esta criança passa o dia com a avó, é importante que seja dito à criança de forma carinhosa, quando ela chama a avó de mãe) que é a vovó e não  a mãe e dizer o nome da mãe e onde ela está naquele momento. A criança pequena vai vincular com aquele que é seu maior cuidador ( aquele que lhe dá alimentação, brinca, dá banho…). A avó que cuida também deve dialogar com a criança sobre este assunto, deixando bem claro, que a mamãe tem um espaço de mãe na vida da criança e que avó tem outro, explicando a ela porque fica aos cuidados da avó. Quanto ao dormir, vale o bom senso: na maioria das vezes é importante que fique na sua cama, de preferência no seu quarto. Assim  promove a autonomia e não a dependência da criança.

Luciane Umann é psicóloga e atende na New Clínica em NH | RS

Fone: (51) 3524 0085


Arquivado em Sem Categoria
Tags: ,
17
jan 2012

Imagens: Just Jared

Arquivado em Casamento, Moda e Beleza
Tags: , , ,